Polícia Marítima apreende arte de pesca com mais de 3 kms na costa norte de São Miguel

O Comando-local da Polícia Marítima de Ponta Delgada, numa ação em conjunto com a Inspeção Regional das Pescas dos Açores, realizou no dia 24 de julho mais uma missão de fiscalização no mar, desta vez focada na costa norte da ilha de São Miguel, na qual apreendeu uma arte de pesca do tipo palangre com mais de três quilómetros de comprimento.

Para além da arte de pesca que se encontrava em zona proibida, foram apreendidos cerca de 70 quilos de pescado diverso, fiscalizadas cinco embarcações (três de pesca e duas de recreio) e levantados quatro autos de noticia.

A embarcação que estava a pescar em zona proibida, com o referido palangre foi obrigada a recolher a arte de pesca e encaminhada, sob escolta da Polícia Marítima, para o porto de pesca de Porto Formoso, na costa norte da São Miguel, onde se procedeu à apreensão da arte de pesca e do pescado, que foi encaminhado para os serviço da lota, onde foi vendido.

As infrações detetadas configuram a pratica de várias contraordenações, sendo as mais graves puníveis com coimas que poderão variar de um mínimo de € 750 a um máximo de € 37500.

Estas ações de patrulhamento e fiscalização no mar, têm como objetivo principal o combate à pesca em locais proibidos, a verificação das condições de segurança das pessoas embarcadas e a preservação dos recursos marinhos, tendo sido percorridas durante esta operação cerca de 135 milhas náuticas.

DL/AMN

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário