Log in

Sarau Musical na Fajã de Baixo junta Banjo e Viola da Terra

© ASSOCIAÇÃO VIOLA DA TERRA

O Salão Nobre da Junta de Freguesia da Fajã de Baixo recebeu o “Sarau Musical – Viola da Terra e Banjo”, no passado dia 30 de Abril. O Serão iniciou-se com a apresentação da Escola de Violas da Fajã de Baixo, com a participação de 12 alunos, divididos por 4 turmas, tendo começado os mais novos, Alice e Rodrigo, de 11 anos, e finalizado com a “turma sénior”, segundo nota remetida pela Associação Viola da Terra

O convidado da noite foi Matt Morelock, músico profissional, compositor, produtor de eventos, natural do Tennessee, que apresentou o Banjo, tocou e cantou algumas músicas tradicionais e originais e falou das técnicas de execução. Para além disso, tocou uma peça com o “jaw harp” (berimbau de boca), refere ainda o comunicado.

A fechar o serão, o músico juntou-se ao professor Rafael Carvalho, responsável pela Escola de Violas da Fajã de Baixo, para tocarem algumas peças em duo. Desde o nosso “Pezinho Velho” e “Fado Corrido”, passando por “Rocky Top”, uma das músicas mais conhecidas do estado de Tennessee, e ainda um original.

Segundo a Associação Viola da Terra, “esse duo, quase improvisado, de Viola da Terra e Banjo, terá sido, provavelmente, a primeira vez que aconteceu numa apresentação em palco, com a nossa Viola a continuar o seu percurso de abraçar outros instrumentos que nos visitam como tem acontecido, especialmente, na última década e meia. Neste caso, aproveitando a visita à Ilha, por parte do músico dos Estados Unidos e a sua disponibilidade para fazer uma apresentação para alunos e público em geral”.

Para a associação, “estes eventos têm essa importância fundamental de motivar os alunos a se empenharem na sua apresentação musical e a trazerem outros músicos e outras sonoridades que os ajudem a crescer no seu percurso musical. Tem sido esse o propósito e missão da Associação de Juventude Viola da Terra desde a sua fundação e que contou, mais uma vez, com a importante colaboração da Junta de Freguesia da Fajã de Baixo”.

A Escola de Violas da Fajã de Baixo vai agora preparar a sua apresentação de final de ano lectivo que deve decorrer no início de Junho, revela a associação. A par da Escola de Violas da Ribeira Quente, são estas as duas escolas de São Miguel direcionadas para o ensino da Viola da Terra, conclui a mesma nota.

Músico açoriano Rafael Carvalho lança novo tema “Atlântida”

© D.R.

“Atlântida” é o mais recente original para Viola da Terra do músico Açoriano Rafael Carvalho. O tema vai integrar o próximo álbum do músico, “Ao Toque do Polegar”, a ser lançado neste verão de 2024, segundo nota de imprensa da Associação Viola da Terra.

“Atlântida, com uma sonoridade leve e fresca, é inspirada nas nossas Ilhas, na sua Natureza, e na nossa vivência Arquipelágica quase mística”, comunica ainda a mesma nota.

A estreia de “Atlântida”, a 20 de Abril de 2024, um ano após a aprovação, por unanimidade, na Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, do “Plano de Valorização da Viola da Terra na Região Autónoma dos Açores”, pretende sensibilizar e alertar para o cumprimento do mesmo Plano e para a importância da sua implementação integral, explica o comunicado.

O single foi lançado na página de Facebook do artista, bem como no Bandcamp e no Youtube e “estará brevemente, nas restantes plataformas digitais”.

Rafael Carvalho já editou 8 álbuns de Viola da terra, a solo, contando, ainda, com edições musicais em outros trabalhos em duo e trio, bem como colaborações em álbuns de outros artistas e antologias. 

O seu próximo álbum será uma homenagem à música tradicional Portuguesa.