Rabo de Peixe faz história na Taça de Portugal

© D.R.

O Desportivo de Rabo de Peixe, único representante dos Açores na Taça de Portugal, conseguiu o inédito apuramento para os oitavos de final da competição após receber e derrotar a Sanjoanense por 2-0 com um golo em cada metade do desafio. A formação da vila piscatória será uma das dezasseis que estará no sorteio da próxima eliminatória.

Nunca o Desportivo de Rabo de Peixe conseguiu chegar tão longe na prova rainha do futebol português e o sonho permanece vivo. Motivado pela presença nesta eliminatória e embalado pelo forte apoio dos adeptos nas bancadas, os comandados de Hélio Oliveira rubricaram uma exibição personalizada frente a um opositor de escalão superior e, por isso, teoricamente favorito.

Optando por ter menos bola, mas um melhor preenchimento dos espaços na primeira parte, o Desportivo de Rabo de Peixe chegou à vantagem à passagem do minuto 39, por intermédio de Lucas Reis.

O avanço no marcador colocava a formação micaelense em posição favorável para explorar o contra-ataque na etapa complementar e foi através dessa solução que foi colocando em sentido o antagonista. Depois de várias ameaças, acabou por sentenciar o resultado num desses contragolpes com Rafa Benevides a elevar a contagem no primeiro minuto da compensação.

Não demorou muito para que o árbitro António Moreira, de Vila Real – que, entretanto, já tinha expulsado Marcos Briazon por acumulação de cartões amarelos, deixando a Sanjoanense a jogar em inferioridade numérica nos últimos quinze minutos – desse por terminada a partida, lançando-se a festa do Desportivo de Rabo de Peixe no relvado do campo Bom Jesus pela passagem aos oitavos de final da Taça de Portugal.

Categorias: Desporto

Deixe o seu comentário