Quintal Etnográfico e parque infantil da Ribeira Chã vão ser remodelados

FOTO DR

A remodelação do Quintal Etnográfico está a ser realizada por fases, tendo sido concluída a primeira fase com as obras de beneficiação e a nova museografia do núcleo museológico da Adega, inaugurada no passado mês de julho.

A segunda fase inclui a identificação de espécies endémicas e a replantação de outras desaparecidas e o alargamento da área das plantas medicinais. Para além disso, abrange as obras de beneficiação e a nova museografia do núcleo agrícola, que pretende valorizar as especificidades da Ribeira Chã, nomeadamente a sua identidade etnográfica. Este núcleo, situado na Rua Engenheiro João Mota Amaral, é um espaço emblemático da freguesia da Ribeira Chã e constitui uma das heranças deixadas pelo Padre João Caetano Flores.

 O objetivo da autarquia lagoense é que o Quintal Etnográfico seja lugar de paragem obrigatória na freguesia e que possa ser articulado com os restantes núcleos museológicos da freguesia.

O Quintal Etnográfico e o parque infantil da Ribeira Chã foram visitados pela Presidente da Câmara Municipal de Lagoa, Cristina Calisto.

O Núcleo Agrícola e o Quintal Etnográfico foram construídos e inaugurados em 1983. A sua construção foi realizada sobre uma vala com 22 metros de profundidade, coberta com a terra retirada aquando da construção da estrada do Pisão.

 Quanto ao parque infantil, com vários anos de existência e evidenciando algum desgaste, a Câmara Municipal de Lagoa já fez a aquisição de novos equipamentos.

Há, ainda, a considerar a construção de um muro e pinturas, de modo a garantir que as crianças da freguesia possam brincar e ocupar os seus tempos livres em segurança.

DL/CML

Categorias: Local

Deixe o seu comentário