Povoação inaugura novo posto de Turismo, loja Celeiro da Terra e Jardim do Emigrante

© CM POVOAÇÃO

A vila da Povoação, na ilha de São Miguel, inaugurou esta sexta-feira, 11 de novembro, um novo posto de turismo, uma nova loja da Celeiro da Terra e o Jardim do Emigrante.

De acordo com nota de imprensa enviada às redações pela autarquia da Povoação, trata-se de “um design contemporâneo e ao mesmo tempo atrativo e acolhedor”. A autarquia acrescenta, ainda, em comunicado, que  “os novos espaços vêm servir melhor tanto os povoacenses como quem os visita, dando nova vida a uma parte desaproveitada do Gimnodesportivo que agora passa a chamar-se Pavilhão Multiusos da Povoação”.

“É uma grande satisfação pela concretização das infraestruturas que hoje inauguramos”, manifestou o presidente da câmara, Pedro Melo, na sessão inaugural.

O autarca esclareceu que a instalação do novo posto de turismo “dignifica esta parte do edifício, assim como traz à envolvente uma maior e mais regular frequência de pessoas, muito importante para o desenvolvimento do concelho e da vila da Povoação, em particular, visitada diariamente e cada vez mais, por muitos turistas”.

No seu discurso, Pedro Melo afirmou que “a partir de agora temos um novo espaço de divulgação da informação sobre o destino Povoação, cujo projeto constitui, para além de um veículo para a sua valorização e promoção, o reflexo da aposta do Município, no progresso da atividade turística da Povoação, assente num conceito de modernidade e sustentabilidade”.

O autarca povoacense revelou, ainda, que está já em processo de concurso e na segunda fase a requalificação da frente marítima da Povoação; a requalificação do estacionamento da Rua Dona Maria II e das paragens de autocarros, adjudicados esta sexta-feira pelo o valor de 500 mil euros; e a requalificação da zona envolvente do jardim municipal, pelo valor de 161.700 euros.

A Cooperativa Celeiro da Terra, que existe desde 1998 e que conta com 30 postos de trabalho do sexo feminino, inaugurou também a sua segunda loja e o espaço exterior do Pavilhão Multiusos foi também batizado como “Jardim do Emigrante”.

“Assim se chamará a partir de hoje, este belo jardim, num claro reconhecimento das nossas comunidades emigrantes por tudo o que significam para a valorização da nossa identidade social e cultural. Estava a faltar na sede do concelho um espaço dedicado, e a homenagear os nossos emigrantes, que são, sem dúvida alguma, os nossos melhores visitantes, ano após ano. São eles que estão sempre disponíveis, sempre que nosso concelho precisa de ajuda, quer por motivos de catástrofes, ou outros motivos a que eles sejam chamados a intervir”, concluiu Pedro Melo.

O posto de turismo e a nova loja da Celeiro da Terra estarão abertos de segunda a domingo, das 10 às 17 horas.

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário