PJ deteve mulher suspeita de ter morto um homem no concelho da Ribeira Grande

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal de Ponta Delgada, recebeu uma comunicação, no final da tarde de quinta feira, de factos ocorridos na freguesia do Porto Formoso, concelho da Ribeira Grande, suscetíveis de configurar a prática de um crime de homicídio.

Na sequência da investigação de imediato desencadeada, foi possível apurar que a vítima, um homem de 54 anos de idade, foi transportada para o Hospital de Ponta Delgada, onde deu entrada já sem vida, apresentando danos corporais indiciadores de agressão com um objeto perfurante na região torácica.

O conjunto de diligências realizadas permitiu a recolha de relevantes elementos probatórios e a identificação da presumível autora dos factos, que veio a ser detida ainda nesse mesmo dia.

Os factos ocorreram na sequência de uma altercação motivada por razões familiares.

A suspeita, com 34 anos de idade, vai ser presente a primeiro interrogatório judicial, para aplicação das medidas coativas tidas por adequadas.

Uma nota de imprensa do Tribunal Judicial da Comarca dos Açores, a suspeita foi presente no sábado ao juiz de instrução criminal de Ponta Delgada, tendo-lhe sido aplicada “medida de coação de obrigação de apresentação diária na esquadra da PSP da sua área de residência e de proibição de se ausentar da ilha” de São Miguel.

A decisão é justificada por não se verificar “perigo de a arguida levar outras condutas da mesma natureza e nem de interferir com a recolha de prova pelas autoridades de investigação”.

DL/PJ

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário