Páscoa com proibição de circulação entre concelhos em São Miguel

© DL

As restrições para o período da Páscoa foram anuncidas hoje pelo secretário regional da Saúde, em Angra do Heroísmo. A partir da meia noite desta sexta-feira, 2 de abril passa a ser proibido circular entre concelhos na ilha de São Miguel, uma restrição que vigora até à meia noite de segunda-feira, 5 de abril. Apenas são permitidas as deslocações estritamente necessárias e previstas no decreto regulamentar regional.

As restrições à circulação aplicam-se, segundo Clélio Meneses, tanto aos locais como aos turistas que se encontrem de férias em São Miguel.  

Todos os restaurantes e estabelecimentos similares passam a ter de encerrar às 15h em toda a ilha. 

Nas restantes ilhas, neste fim de semana alargado de Páscoa, os estabelecimentos de restauração e bebidas encerram às 22:00, sendo proibida a venda de bebidas alcoólicas nos restantes estabelecimentos a partir das 20:00.

O executivo decidiu que não vai conceder tolerância de ponto na quinta-feira, como aconteceu noutros anos.

Clélio Meneses adiantou que o concelho do Nordeste sobe para alto risco, sendo aplicadas, a partir de segunda-feira, as medidas previstas para esses casos, e que o concelho de Ponta Delgada se mantém no nível médio alto.

A escala de risco utilizada pela Região Autónoma dos Açores tem cinco níveis: muito baixo, baixo, médio, médio alto e alto.

Os Açores registam 131 casos ativos, sendo 130 em São Miguel: 105 no concelho de Ponta Delgada, oito no concelho da Ribeira Grande, sete no concelho da Lagoa, sete no concelho do Nordeste, quatro em Vila Franca do Campo e dois no concelho da Povoação.

As outras ilhas não registam casos, com exceção da Terceira, onde há um caso positivo ativo na freguesia da Feteira, do concelho de Angra do Heroísmo.

Desde o início da pandemia foram diagnosticados 4.179 casos de covid-19 nos Açores, tendo recuperado da doença 3.910 pessoas.

DL/ Lusa

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário