Clube Operário Desportivo deu início à pré-temporada

Operario-treino-jul14-pre-temporada-

A equipa principal do Clube Operário Desportivo deu início, esta segunda-feira (dia 28), à sua pré-temporada com vista à preparação da próxima época 2014/2015.

Esta manhã, foram 22 os jogadores que se apresentaram ao comando da equipa técnica liderada por André Branquinho. 

Segundo o treinador do Operário, faltam ainda preencher duas ou três posições, situação que ainda está a ser estudada, mas que estará resolvida nas próximas duas semanas. 

O técnico dos fabris, que falava antes do início do treino desta manhã, adiantou que este foi um ano diferente em termos de contratações, face às reduções de orçamento, onde houve a necessidade de haver um maior critério. “Não foi possível atempadamente preparar o plantel face a tudo isso”, admitiu. 

A aposta do Operário tem sido, nos últimos anos, no jogador da terra e este ano não será exceção. Contudo, e segundo André Branquinho, dificilmente os jogadores em falta deverão ser açorianos. 

Quanto aos objetivos do clube da Lagoa para esta época, o técnico simplifica, “é um objetivo simples mas o mais forte, honrar a camisola do Operário e a Cidade de Lagoa, não somos património dos Açores, somos património do nosso clube, e a mais não somos obrigados”, disse.

Já quanto à participação na Série H, onde a maioria dos clubes são do Algarve, André Branquinho admite uma participação mais complicada a todos os níveis, logístico, financeiro e desportivo. 

O técnico fabril reconhece que muitas destas equipas estão reforçadas, sendo que já existem candidatos à subida. 

Em termos logísticos também será complicado, uma vez que, as viagens far-se-ão por Lisboa, depois há que viajar até ao Algarve, o que será mais dispendioso e mais desgastante para os jogadores. 

Apesar das dificuldades previstas, André Branquinho acredita que será uma época tranquila, sendo que o objetivo é a manutenção e “temos a consciência que vamos fazer todo o trabalho possível para atingir esse objetivo”, disse. 

Hugo Tavares, João Garcia, Bruno Ribeiro, Manú e Jorginho são para já os reforços, sendo que o clube da Lagoa já havia renovado com alguns jogadores que representaram o emblema fabril na época transata, é o caso dos guarda-redes Mário Rui e João Botelho, os defesas João Aragão, Nelo, Cristiano e Nuno Oliveira, os médios Dani e João Peixoto, assim como os avançados Hélder Arruda, Evandro e Stebh. 

A treinar com a equipa existem ainda alguns jogadores que estão à experiência que, poderão ou não, representar o emblema fabril na próxima época.

O Operário vai disputar a Série H do Campeonato Nacional de Seniores, assim como as restantes equipas açorianas em prova, Angrense e Praiense.

DL

Categorias: Desporto

Deixe o seu comentário