Medidas da República podem ser “quase todas” aplicadas nos Açores

© GRA/MIGUEL MACHADO

Duarte Freitas reuniu-se esta semana com o ministro das Finanças, Fernando Medina, e o governo dos Açores acolheu “muito favoravelmente as medidas da República” anunciadas esta semana para combater a inflação, “quase todas com aplicação” nos Açores, apontou o secretário regional das Finanças.

Lembrou ainda as medidas a nível social e a tarifa social de eletricidade já implementadas na região, e acrescentou que prossegue a negociação com os sindicatos para um aumento da remuneração complementar dos trabalhadores da administração pública regional.

O secretário regional das Finanças sublinhou que o governo dos Açores está a enfrentar a inflação “desde o dia 1 de janeiro”, quando entrou em vigor a baixa de impostos na região, contestada pelo PS.

“O governo regional está a combater a inflação desde janeiro, com a baixa de impostos”, lembrou Duarte Freitas, falando à margem dos trabalhos parlamentares que decorrem esta semana na cidade da Horta.

Duarte Freitas recordou que o PS, e o seu líder, Vasco Cordeiro, que foi o “maior arrecadador de impostos” nos Açores, “anunciaram o caos por via do desagravamento fiscal”, o que não se verificou. “É incrível que quem sempre foi contra a diminuição de impostos tenha agora boca de abrir para dizer que estamos a arrecadar mais”, considerou o governante.

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário