Máscaras sociais chegam às ilhas sem registo de Covid-19

Foto: DR

O Governo dos Açores fez chegar esta segunda-feira, 4 de maio, a Santa Maria, Flores e Corvo cerca de 12 mil máscaras sociais, cabendo às juntas de freguesia destas três ilhas a sua distribuição por todos os domicílios, nos termos do acordado com a Delegação Regional da ANAFRE.

Depois de já terem sido distribuídas pelo concelho do Nordeste, ilha de São Miguel, a partir de terça-feira, 05 de maio, chegarão outras cerca de 12 mil máscaras sociais à ilha de São Jorge.

A próxima etapa deste processo abrange as ilhas do Faial, Pico e Terceira, a que se seguirão a ilha Graciosa e os restantes concelhos da ilha de São Miguel.

Este processo de envio para as diferentes ilhas das máscaras sociais, cuja utilização é obrigatória em transportes públicos e em estabelecimentos e serviços com atendimento ao público, acompanha, assim, a calendarização anunciada para a flexibilização das restrições na Região Autónoma dos Açores.

As máscaras sociais distribuídas pelo Governo dos Açores cumprem as orientações emanadas pela Direção Geral de Saúde e pelo INFARMDED para este tipo de produto, o que obriga os fabricantes a cumprir as regras estipuladas por estas duas entidades.

Com esta medida, o Governo dos Açores pretende garantir que cada domicílio da Região tenha asseguradas, pelo menos, três máscaras sociais, cuja utilizaçãonão implica qualquer alteração às regras de higienização das mãos e de etiqueta respiratória e à organização e manutenção dos procedimentos de proteção e prevenção adotados pelas entidades públicas e privadas.

DL/GaCS

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário