Log in

Marinha coordena resgate de família francesa

© MARINHA
pub

A Marinha, através do centro de coordenação de busca e salvamento marítimo de Ponta Delgada, e em articulação com o centro coordenador de busca e salvamento aéreo das Lajes, coordenou o resgate de três tripulantes (um casal e uma criança de cinco anos) de nacionalidade francesa, que se encontravam a bordo do veleiro “Emia 5” à deriva no mar, a cerca de 605 milhas náuticas, equivalente a 1120 quilómetros, a nordeste da ilha de São Miguel.

Os passageiros, devido a uma tempestade a nordeste do Cabo Finisterra, em Espanha, com ventos de 50 nós e ondulação entre 6 e 7 metros, ativaram a rádio baliza. Após várias tentativas de contato com a embarcação, sem sucesso, foram ativados os meios necessários para o local.

De imediato, o navio mercante “Al Yamamah”, de bandeira do Kuwait, dirigiu-se para o local e, simultaneamente, foi ativada a aeronave C-295 da Força Aérea Portuguesa para validar a origem do alerta e confirmar a necessidade de ajuda. Na chegada ao local foi constatado que o veleiro estava à deriva com o mastro partido.

Em substituição da aeronave C-295, que atingiu o tempo limite de operação na área, foi ativada a aeronave P3 também da Força Aérea Portuguesa para monitorizar o veleiro e direcionar o helicóptero EH-101 que realizou a ação de resgate. Os três tripulantes foram transportados para o aeroporto Sá Carneiro, no Porto.

avatar-2

Diário da Lagoa

Os leitores são a força do nosso jornal

Subscreva, participe e apoie o Diário da Lagoa. Ao valorizar o nosso trabalho está a ajudar-nos a marcar a diferença, através do jornalismo de proximidade. Assim levamos até si as notícias que contam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *