Malassada é rainha da festa no Inspiral na Ribeira Chã

Este sábado, dia 1 de setembro, pelas 21h, no Quintal Etnográfico da freguesia da Ribeira Chã, arranca a 1.ª sessão do INSPIRAL, projeto que pretende congregar as forças vivas do concelho e das suas gentes, ao longo do ano, por diversos espaços e equipamentos culturais, das várias freguesias do concelho de Lagoa.

Esta iniciativa, promovida pela Câmara Municipal de Lagoa, conta com a jovem compositora e cantora micaelense Sara Cruz e Valter Lobo, que é cantautor e advogado nortenho. Estes artistas irão proporcionar muita animação a uma noite que promete ser diferente, num espaço tão emblemático e numa freguesia que tanto preza o seu passado.
Esta 1.ª sessão do projeto INSPIRAL irá ter a malassada como rainha da festa, que embora sendo um doce típico do Carnaval é uma iguaria que se define diferente naquela localidade e muito apreciada na mesa, em qualquer altura do ano, servida com o habitual chá de poejo. Assim, estarão a ser confecionadas no local do evento, podendo ser degustadas e apreciadas quentes.

A par disso, outros produtos típicos locais, como o bolo de banana e biscoitos, estarão em destaque no evento, conjuntamente com outros produtos, tradicionalmente, encontrados nos arraiais das festas populares, nomeadamente pipocas, tremoços, galinhos e rebuçados de açúcar. Além de que estará presente a Cooperativa Celeiro da Terra, com os seus biscoitos e licores confecionados, de forma artesanal, com os saberes dos nossos antepassados, o que lhes confere um sabor único.

Refere uma nota da autarquia, enviada às redações, que esta será uma oportunidade única para conhecer o Quintal Etnográfico da Ribeira Chã, um património histórico e cultural, fundado no princípio da década de 1980, e onde surgiram várias unidades museológicas que lá se encontram e que estarão abertas ao público. Deste modo, não faltam bons motivos para partilhar um pouco das vivências daquela singular freguesia, do concelho de Lagoa.

DL/CML

Categorias: Local

Deixe o seu comentário