Mais de 1100 alunos açorianos entram no Ensino Superior

FOTO DR

Na primeira fase do Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior Público de 2020 obtiveram colocação 1.153 alunos dos Açores, de acordo com os dados divulgados pela Direção Geral do Ensino Superior.

Dos 1.243 candidatos nesta fase oriundos da Região não obtiveram colocação 86 e quatro foram excluídos do concurso.

Comparativamente com os dados do período homólogo de 2019, constata-se que este ano o número de candidatos dos Açores foi superior, tendo sido  colocados mais 187 alunos.

A nota do último colocado nesta 1.ª fase foi de 9,5 pontos em vários cursos lecionados em diversas regiões do país, nomeadamente Beja, Bragança, Castelo Branco e Guarda.

A nota mais alta do último candidato foi de 19,1 pontos e verificou-se em três cursos, concretamente de Engenharia e Gestão Industrial, da Universidade do Porto, Engenharia Aeroespacial e Engenharia Física e Tecnológica, ambas do Instituto Superior Técnico da Universidade de Lisboa.

Relativamente à Universidade dos Açores, a nota mais baixa do último colocado foi de 10,6 pontos, no curso de Estudos Euro-Atlânticos, enquanto a nota mais alta do último colocado foi de 18,2 pontos, no Ciclo Básico de Medicina (Preparatórios).

Terminada a 1.ª fase do concurso nacional, tem inicio a 2.ª fase das candidaturas ao ensino superior público que, em conformidade com calendário, decorrerá no período de 28 de setembro a 9 de outubro, havendo no dia 7 de outubro uma atualização que resulta das vagas adicionais, provenientes dos alunos colocados e que não efetuaram a matrícula.

DL/GaCS

Categorias: Educação

Deixe o seu comentário