Juventudes partidárias recusam convite da JS para a discutir agenda para relançamento dos Açores

FOTO DR

O convite foi lançado no mês passado pela Juventude Socialista dos Açores que lamenta que as Juventudes Partidárias da Região dos partidos com assento na Assembleia Regional não tenham aceitado reunir esta terça-feira, 1 de setembro, para dialogar sobre sobre Agenda para o Relançamento Social e Económico dos Açores.

De acordo com o Presidente da JS Açores esta seria “uma iniciativa histórica, diferenciada e inovadora, visando valorizar o papel das organizações de juventude na atividade política, contribuindo assim de forma séria e responsável para arranjar soluções que minimizem os impactos negativos desta conjuntura nas novas gerações”.

Com o documento em discussão pública até ao próximo dia 07 de setembro, a reunião proposta pela JS/Açores pretendia alargar e congregar, de forma democrática, transparente e construtiva as forças políticas juvenis, e não “procurar palco eleitoral e mediático tal como tantos o fazem”, garante Vílson Pontes.

Já ontem, a JSD Açores tinha anunciado em comunicado que “não faz sentido que sejam outras entidades a promover a consulta pública, como pretendia a Juventude Socialista. Declinámos, por isso, participar na reunião que a JS quis realizar quando faltam poucos dias para terminar a consulta pública”.

A JSD Açores fez saber que vai enviar directamente ao Governo regional o conjunto de propostas âmbito do processo de consulta pública da Agenda para o Relançamento Social e Económico dos Açores.

DL

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário