“Jogos sem Barreiras” são horas garantidas de animação

Numa organização da Associação Criativa e Promotora de Eventos Culturais – Os Quiridos, Água de Pau voltou a receber os “Jogos sem Barreiras”, que teve lugar no Campo de Jogos do Polivalente, tendo contado com a participação de seis equipas.

“Snack Bar O Castanheiro”, de Santa Cruz; “Ribeira Chã”; “Pirigosos” e os “Trapalhões” de Água de Pau; “Amigos de São Martinho” do Cabouco e as “Sagradas” de Ponta Delgada, foram os grupos que participaram no evento, com as bancadas repeltas de público a assistir mais esta edição. A equipa dos Amigos de São Martinho do Cabouco foi a grande vencedora.

Segundo a organização, nesta 4ª Edição notou-se perfeitamente que “Os Jogos sem Barreiras” são genuinamente da Vila de Água de Pau. A começar pelo entusiasmo do grande público que assistiu sem arredar pé durante todo o espetáculo.

Foram três horas de alegria constante, porque os Pauenses vivem a festa e sabem fazer a “festa”, adianta João Baganha Cabral.

No âmbito do orçamento participativo 2017, esta associação teve o intuito de levar esta atividade a percorrer o concelho, mas não havendo as devidas condições é impossível, sendo de extrema importância o público e condições estruturais.

Segundo refere ao Jornal Diário da Lagoa, “iremos manter este projeto na nossa terra, sendo que as equipas participantes são a nível concelho e fora dele, fazendo com que traga mais pessoas para esta vila”.

Quanto à continuidade desta atividade, a ideia será de continuar, desde que haja apoios para este tipo de iniciativa. “Por vezes gasta-se valores com atividades de pouca relevância, onde nesta tem-se verificado que, de ano para ano, uma maior participação por parte das equipas, das várias freguesias do concelho, e isto tem sido bastante benéfico não só para nós associação como também para a freguesia”, refere o responsável da associação.

“Quanto a nós, cabe dar continuidade a esta iniciativa. Se houvesse uma entidade que abraçasse este projeto fazendo dele um cabeça de cartaz da freguesia e concelho, acho que seria mais fácil trabalhar assim sem estarmos a contar os “tostões”, porque por vezes poderíamos fazer mais e melhor sem termos a preocupação de termos um orçamento reduzido para certas atividades”, diz João Baganha Cabral.

A associação “Os Quiridos” não apenas faz “OS JOGOS SEM BARREIRAS” e tem feito um grande esforço para levar àrisca o seu plano de atividades. Para o corrente ano 2018, ainda faltam mais quatro atividades, nomeadamente e o já permanente “Festival de Sopas” que também envolve a freguesia com a participação de particulares, instituições, restauração do concelho e fora dele, demonstrando a gastronomia local.

“Estamos apostar para setembro, a convite da Câmara Municipal de Lagoa, durante as celebrações das “Jornadas Europeias do Patrimônio” no espaço museológico, a recriar o quotidiano das lavadeiras da vila de Água de Pau nos antigos lavadouros da rua do Paúl. Mais uma vez, esta atividade irá reunir a população e grupos locais.

Em conjunto com o agrupamento 97 dos escoteiros da freguesia, levará a cabo um workshop dedicado aos mais novos com uma atividade ao ar livre.

E por último, se assim a associação conseguir obter as devidas condições, levarão à cena uma comédia dando continuidade a esta vertente cultural tão enraizada pelos Pauenses.

João Baganha Cabral adianta ainda que “contamos sempre com a colaboração dos Pauenses e o apoio incondicional por parte das nossas entidades, porque só assim poderemos por em prática tudo aquilo que temos em mente”.

DL

Categorias: Local

Deixe o seu comentário