Hoje, 15 de novembro, é o Dia Nacional da Língua Gestual Portuguesa!

O que é a LGP? É a Língua Natural da Comunidade Surda.

© ASISM

A Língua Gestual Portuguesa (LGP) é uma Língua bonita e muito rica, tendo tudo o que uma língua exige: gramática, sintaxe, pode ser coloquial ou formal, tem gíria e também regionalismos.

Ao contrário das Línguas orais a Língua Gestual Portuguesa é muito visual, sendo a base de comunicação da Comunidade Surda. A expressão facial, o corpo, os olhos e acima de tudo as mãos, são o maior emissor desta mesma Língua.

A LGP é uma das três Línguas oficiais de Portugal, reconhecida na Constituição da República Portuguesa a 15 de novembro de 1997, daí o seu festejo na presente data!

A Língua Gestual Portuguesa não é uma Língua universal, uma vez que cada país tem a sua própria Língua Gestual e todas elas têm influências da sua cultura, história e vivências do seu país.

É através da LGP que os Surdos crescem e se desenvolvem como pessoas, como cidadãos. Esta Língua pertence a uma Comunidade que tem a sua própria Identidade, Cultura e História, que dela fazem parte familiares ouvintes, Intérpretes de Língua Gestual Portuguesa, filhos ouvintes de pais surdos (CODAS) e outros profissionais, em que todos eles têm em comum a utilização da LGP, o respeito e a valorização da mesma.

A Língua Gestual Portuguesa é pouco conhecida e utilizada pelas pessoas na sociedade, por desconhecimento e porque infelizmente esta ainda não está disponível como uma disciplina que todos possam aprender nas escolas. Desta forma os cidadãos surdos, utilizadores desta Língua, sentem muitas limitações no seu dia-a-dia, por não serem compreendidos.

Aos leitores mais curiosos, a todas as pessoas que queiram conhecer a Comunidade Surda, a sua cultura e aprender uma nova Língua, podem procurar a Associação de Surdos da Ilha de S. Miguel – ASISM, são todos muito bem-vindos.

Dentro da Comunidade surda existe uma partilha de saberes e conhecimentos intergeracional, ou seja, os membros mais velhos da comunidade fazem a passagem do seu “legado” aos mais jovens, de forma que estes continuem a lutar pelos seus direitos. Mantém-se assim a chama viva de que nada é impossível e de que todos os dias aprendemos algo novo e em conjunto.

Na Comunidade Surda existem vários utilizadores (nativos) da LGP e são muito diversificados, por norma, as pessoas mais velhas que têm um registo linguístico mais forte, com espírito de luta, ou com uma maior predisposição para defender a comunidade, são considerados como “Modelos Surdos”, dentro da Comunidade. Este reconhecimento surge de forma natural e num ambiente de autoajuda e a sua atuação é principalmente em prol da união da Comunidade.

Temos um grande orgulho na nossa Língua!
A todos um Feliz Dia da Língua Gestual Portuguesa!

ASISMAssociação de Surdos da Ilha de S. Miguel

Categorias: Opinião

Deixe o seu comentário