Governo Regional e Instituto de Planeamento e Desenvolvimento do Turismo promovem programa ‘Açores recebe Bem’

A Secretária Regional da Energia, Ambiente e Turismo anunciou  que o Governo dos Açores, em conjunto com o IPDT – Instituto de Planeamento e Desenvolvimento do Turismo, vai promover um programa de capacitação para uma cultura de serviço denominado ‘Açores recebe Bem’.

Marta Guerreiro, que falava na assinatura de um protocolo com o IPDT para a implementação daquele programa, acrescentou que “o desafio continua a prender-se com a qualificação, com enfoque nos recursos humanos, sendo certo que é uma das maiores exigências para reforçar a notoriedade dos Açores”.

A titular da pasta do Turismo salientou que o programa “será uma mais-valia para ajudar a criar uma cultura de serviço e de bem receber na Região”, referindo que, através deste programa, se procederá à elaboração do Manual ‘Açores recebe Bem’, que será “divulgado junto do ‘trade’ açoriano”.

Marta Guerreiro salientou que, “quer o Manual, quer os workshops, serão instrumentos essenciais para percebermos o que nos distingue e nos torna únicos e qual o nível da nossa qualidade de serviço, trabalhando conteúdos relacionados com a satisfação e gestão de reclamações e a definição do padrão de serviço do turismo nos Açores”.

A Secretária Regional evidenciou o “estreito trabalho” entre o Governo dos Açores e o IPDT, enquanto “instituição de elevada credibilidade, com reconhecimento nacional e internacional”, sublinhando algumas das ações previstas, que irão decorrer até 2020, “de aconselhamento, acompanhamento e monitorização, bem como a elaboração de campanhas e programas de sensibilização”.

Marta Guerreiro adiantou que, relativamente ao PEMTA – Plano Estratégico e de Marketing do Turismo dos Açores, salvaguarda-se “a manutenção do acompanhamento e assessoria de comunicação, e agora também no que diz respeito às questões da sustentabilidade”, onde “irá ser desenvolvida e incluída esta temática, evidenciando a política de sustentabilidade para o destino turístico, com referência à entidade gestora do processo de certificação sustentável do destino”.

Verifica-se um plano de ações que focaliza a temática da sustentabilidade social, na relação entre a comunidade local e turistas e promoção de políticas de turismo inclusivo, de sustentabilidade cultural, com uma maior oferta e dinamização das tradições, e de sustentabilidade ambiental, baseada na proteção dos recursos naturais e sensibilização para a eficiência energética e económica, procurando-se fomentar novas e melhores oportunidade de emprego, bem como da remuneração associada.

O IPDT dará apoio à definição da metodologia de implementação de ferramentas de um conjunto de estudos e análises de dados que pretendem monitorizar o PEMTA, destacando-se a sua operacionalização através do Observatório de Turismo dos Açores e do Serviço Regional de Estatística dos Açores.

DL/Gacs

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário