Governo dos Açores manifesta abertura para rever apoios à cana de açúcar no POSEI

O Secretário Regional da Agricultura e Florestas garantiu a total disponibilidade do Governo dos Açores para, no âmbito das alterações anuais feitas ao programa POSEI, propor a revisão dos apoios a conceder à produção de cana de açúcar, uma cultura que tem múltiplos aproveitamentos comerciais, um grande potencial económico e historial na Região.

O Secretário Regional, que visitou a uma Fábrica de Licores, na ilha de São Miguel, salientou que, em 2017, foi introduzida uma alteração no POSEI permitindo que a cana de açúcar passasse a ser elegível na Ajuda à Produção de Hortofrutícolas, Flores de Corte e Plantas Ornamentais, recebendo um apoio de 1.150 euros por hectare.

João Ponte afirmou que irá dar orientações aos Serviços de Desenvolvimento Agrário de São Miguel no sentido de acompanharem a cultura da cana de açúcar, de modo a perceber melhor o que são os rendimentos e os ciclos produtivos, informação que será importante para se encontrar, no âmbito da revisão do POSEI, um valor que seja justo e compatível com esta cultura.

Para o Secretário Regional, importa também estudar as vantagens que possam existir do ponto de vista da produção de cana de açúcar nos Açores e as mais valias enquanto complemento à bovinicultura.

DL/Gacs

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário