Governo dos Açores apoia integração de jovens com problemas de dependências através de projeto de reutilização de plásticos

O Governo dos Açores vai apoiar, através da Direção Regional da Juventude, um projeto de integração de jovens com problemas diversos de dependências, através de uma oficina para reutilização de plásticos que será desenvolvida pela Associação Alternativa.

O Diretor Regional da Juventude, em declarações do final de uma visita a esta associação, em Ponta Delgada, considerou a iniciativa “inovadora e realmente pertinente”, especialmente tendo em conta a “problemática dos plásticos e dos microplásticos, para a qual a sociedade já está desperta”.

O Diretor Regional salientou também o “papel social” desta oficina, nomeadamente ao assumir-se como “uma grande ação de sensibilização e de motivação para os jovens que, ao virem de um contexto diferente, conseguem eles próprios sentir-se úteis para a sociedade”.

Lúcio Rodrigues lembrou que a Direção Regional da Juventude tem vindo a participar e a colaborar com esta instituição noutros projetos, como o ‘Troca Trapos’, que consiste na “reutilização de vestuário para confeção de outros artigos que a Alternativa vende, contribuindo para a sustentabilidade do seu projeto”.

O Diretor Regional da Juventude realçou o trabalho “muito importante” de reinserção que é feito por diversas instituições em várias ilhas dos Açores, assegurando que o Governo dos Açores “tem sido e continuará a ser um parceiro natural”, num trabalho onde, “acima de tudo, se valorizam os jovens, sem deixar ninguém para trás”.

A Associação Alternativa, fundada em 1996, é uma instituição sem fins lucrativos que tem como objetivos o apoio psicossocial ao toxicodependente e sua família, a promoção do seu desenvolvimento pessoal e social, bem como a sua reinserção socioprofissional e a reaprendizagem e adoção de estilos de vida saudáveis.

O Diretor Regional da Juventude visitou também o projeto ‘Sê o Teu Caminho’, desenvolvido no âmbito da iniciativa ‘Inspira-te, Aprende e Age’, no Convento de Santo André, em Vila Franca do Campo.

DL/Gacs

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário