Log in

Sismo de magnitude 3.2 registado na Terceira

© CM ANGRA DO HEROÍSMO

Um sismo de magnitude 3.2 (Richter) foi sentido, hoje, pelas 12h15, na ilha Terceira, Açores, cujo epicentro se localizou próximo de Raminho, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Este sismo, de acordo com a informação disponível até ao momento, não causou danos pessoais ou materiais e foi sentido com intensidade máxima IV/V (escala de Mercalli modificada) na freguesia de Raminho (Terceira), comunicou, ainda, o IPMA.

Foi ainda sentido com menor intensidade nas freguesias de Santa Bárbara, Biscoitos, Quatro Ribeiras, Terra Chã e Agualva (Terceira).

Sismo de magnitude 2.4 foi sentido na Terceira esta madrugada

© D.R.

Um sismo de magnitude 2.4 (Richter), foi sentido esta madrugada, 21 de março, pela 01:28, na Terceira, segundo comunicado do Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

O epicentro localizou-se a cerca de seis quilómetros a Sul-Sudoeste de Altares.

De acordo com a informação disponível até ao momento, o sismo não causou danos pessoais
ou materiais e foi sentido com intensidade máxima II/III (na escala de Mercalli modificada) na freguesia de Terra Chã .

A 19 de março, tinha sido registado pelas 02:37 um sismo de magnitude 2.6 (Richter) com epicentro próximo de Serreta (Terceira).

A ilha açoriana tem vindo a registar regularmente vários sismos, no seguimento da crise sismológica que se iniciou em 2022.

Sismo de magnitude 2.1 sentido na Terceira

© CM ANGRA DO HEROÍSMO

Um sismo de magnitude 2.1 na escala de Richter foi ontem, 6 de março, sentido na ilha Terceira pelas 22h22.

O epicentro localizou-se a cerca de 4km a nordeste de Santa Bárbara, segundo comunicado do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Segundo a mesma entidade, não foram registados danos pessoais ou materiais e foi sentido com intensidade máxima de III (na escala de Mercalli modificada), na freguesia de São Bartolomeu de Regatos.

No dia 29 de fevereiro, tinham já acontecido, na mesma ilha, dois sismos com o mesmo epicento: um de magnitude 3.3 (Richter), pelas 05:49, e outro de magnitude 3.0 (Richter), pelas 17:26.

A 27 de fevereiro, a Terceira tinha registado quatro sismos.

Questionada pelo Diário da Lagoa, sobre a situação, Gabriela Queiroz, presidente da direção do CIVISA, lembra que estes recentes sismos inserem-se na crise sismológica na ilha Terceira, que se iniciou em 2022, e que “tem tido fases mais ativas, com mais libertação de energia, e fases mais calmas,” confirmando que “quer ontem, quer no dias anteriores, tínhamos tido alguns sismos sentidos pela população,” mas que situação é seguida pelo CIVISA.

“Nos Açores, existem condições, sob o ponto de vista estrutural e da geodinâmica que favorecem a ocorrência de atividade sísmica e vulcânica,” acrescenta ainda.