Log in

“Para que serve o Diário da Lagoa?”

Um dia perguntaram-me e fiquei em silêncio. Porque a resposta é dada todos os dias

Clife Botelho
Director

O jornal Diário da Lagoa (DL) ao longo de dez anos de existência tem trilhado um percurso que resulta da dedicação e do esforço de quem contribuiu para construir esta casa.

Trata-se de um projeto que foi fundado por um picoense e que, apesar do título, não se resume à sua geografia: “as notícias que contam. A partir da Lagoa, nos Açores, para o mundo.” São notícias da Lagoa e não só, pois há toda uma realidade circundante que é preciso igualmente fazer chegar à Lagoa e vice-versa. Também tivemos lagoenses no comando, mas há precisamente três anos que estou eu, que embora residente e com família constituída neste concelho, nasci numa freguesia na costa norte muitas vezes esquecida, talvez por coexistir com outras 23 freguesias, num concelho que ao contrário da Lagoa (em que existem cinco), é excessivamente grande.

Já aqui, na Lagoa, no único jornal deste concelho, jornalistas, colaboradores, leitores, anunciantes, parceiros, todos juntos formam uma verdadeira comunidade que muito tem contribuído ao longo de uma década na defesa de valores mais elevados. Ler o DL é procurar conteúdo que se quer diferente. Pelo menos assim nos esforçamos.

Com uma edição diária online, em diariodalagoa.pt, e uma edição mensal em papel — publicada também no formato digital para chegar mais longe —, muito se registou da Lagoa, da ilha de São Miguel e, também, da nossa Região, como se de um diário se tratasse. E muito mais há a escrever… E se um dia disseram ao fundador deste jornal “Mas tu não paras de escrever?”, assim queremos continuar a fazer o que mais gostamos.

O jornal atravessou fases diferentes, tempos difíceis também, mas mantém o foco e o seu propósito inicial. Sem querer agradar a todos, pois sabemos que o jornalismo cumpre a sua função quando começa a incomodar, numa região em que fazer jornalismo de investigação é quase uma miragem (pelas dificuldades e condicionalismos que se vai encontrando). Mas continuamos na luta pela liberdade e na defesa da democracia. Ser a voz daqueles que de outro modo não seriam ouvidos, questionar e marcar a diferença, é também uma forma de garantir a democracia e de sermos livres.

E estamos prestes a chegar aos 20 mil seguidores, todos autênticos, que a muito custo fomos convencendo que valia a pena seguir-nos. Assim nos acompanham diariamente, enquanto hoje é mais um dia em que devemos agradecer por termos chegado até aqui. Sem esquecer que um dia perguntaram-me: “para que serve o Diário da Lagoa?”. Fiquei em silêncio. Porque a resposta é dada todos os dias, basta acompanhar-nos. Obrigado a todos que acreditam no nosso valor.

avatar-custom

Clife BotelhoDirector

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

CAPTCHA ImageCambiar Imagen