Dois detidos no Cabouco por tráfico de estupefacientes

© DL

Elementos da brigada de investigação criminal da PSP da Lagoa detiveram, em flagrante delito, dois indivíduos, do sexo masculino, de 25 e 34 anos, por estarem fortemente indiciados de praticarem, em coautoria, um crime de tráfico de estupefacientes.

Com base em várias notícias de um cenário de tráfico de estupefacientes, com venda direta ao consumidor, cuja atividade se concretizava no local onde se desloca diariamente uma carrinha afeta ao serviço de reabilitação e tratamento de toxicodependentes, da associação ARRISCA, a PSP avançou com uma operação policial na freguesia de Cabouco, no concelho da Lagoa.

Segundo informações recolhidas, os ora detidos aproveitavam-se da concentração de vários indivíduos que se encontram em situação de tratamento de dependências, relacionadas com derivados de opiáceos, e que se deslocam diariamente àquele local para a toma da metadona, para os aliciar com a aquisição de doses individuais de heroína e da vulgarmente designada “droga sintética”.

A abordagem foi feita no exato momento em que os dois suspeitos eram contatados pelos indivíduos que ali se tinham deslocado com o propósito de continuar o tratamento de desintoxicação com metadona.

No seguimento desta abordagem foi também realizada uma busca não domiciliária, tendo a PSP apreendido 136 doses individuais de heroína, 140 doses de uma substância sintética, cerca de 180 euros em numerário e outros utensílios relacionados com a atividade de traficância, consolidando-se, ainda, as suspeitas que apontavam no sentido destes arguidos se dedicarem à prática do crime sob investigação em estreita colaboração.

Após terem sido presentes a interrogatório judicial, no tribunal de Ponta Delgada, os dois detidos aguardarão o desenrolar dos processos sujeitos a apresentações obrigatórias perante as autoridades, e cumulativamente a proibição de contatos com indivíduos dependentes de estupefacientes.

Categorias: Local

Deixe o seu comentário