Diretor Regional da Educação destaca projetos que permitem que os Açores se “abram ao mundo”

hdr

O Diretor Regional da Educação destacou a importância da abertura dos Açores ao mundo, através de diversos projetos pedagógicos atualmente em curso no arquipélago.

Rodrigo Reis, que falava na cerimónia de entrega de distinções ‘eTwinning’ à Escola Básica Integrada dos Arrifes e à Escola Secundária Antero de Quental, salientou que “essa abertura permite o prolongamento dos horizontes dos alunos”.

Na cerimónia foram também atribuídos o selo europeu de qualidade e o Prémio Nacional eTwinning ao projeto ‘Travelling to Different Biomes’, orientado pela professora Dora Pereira, da Escola Secundária Antero de Quental.

O Diretor Regional referiu o facto de os projetos eTwinning estimularem nos jovens o desenvolvimento de muitas das competências do Perfil dos Alunos à Saída da Escolaridade Obrigatória.

Competências como o respeito pelos outros, a resolução crítica e criativa de problemas e a familiaridade com as tecnologias são particularmente valorizadas e desenvolvidas no âmbito de um projeto eTwinning, pelo que receber esta distinção “deve ser um motivo de orgulho e uma responsabilidade para as escolas premiadas”, afirmou Rodrigo Reis.

Estes aspetos, acrescentou, “passam a ser exemplos a seguir por outras escolas”, uma vez que capacitam a comunidade escolar no que respeita a práticas digitais e de segurança na Internet, a abordagens pedagógicas inovadoras e criativas, mas também à “promoção de práticas de ensino colaborativo entre docentes e alunos.”

O eTwinning, que é a comunidade de escolas da Europa co-financiada pelo Erasmus+, um programa europeu no domínio da Educação, Formação, Juventude e Desporto, disponibiliza uma plataforma para que os profissionais da educação (educadores de infancia, professores, diretores, bibliotecários) que trabalham em escolas dos países europeus envolvidos possam comunicar, colaborar, desenvolver projetos e partilhar.

DL/Gacs

Categorias: Educação

Deixe o seu comentário