Desfibrilhador salva homem em Ponta Delgada

Foto: DL

Um homem de 54 anos, que caminhava este sábado, 25 de julho, pelas 09h45 nas Portas do Mar, em Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, foi salvo com o uso de Desfibrilhador Automático Externo (DAE), após ter entrado em paragem cardiorrespiratória.

A  intervenção do segurança das Portas do Mar, operacional de DAE, do nadador salvador da zona balnear do Pesqueiro, de duas médicas e uma enfermeira presentes no local permitiu salvar o homem que não apresentava doenças prévias.

Foram iniciadas imediatamente manobras de Suporte Básico de Vida (SBV), enquanto chegava o DAE do complexo das Portas do Mar. Após a análise de ritmo, o DAE aplicou dois choques sem sucesso. À chegada da ambulância, os Bombeiros de Ponta Delgada assumiram a situação e administraram mais um choque, com o DAE da ambulância que reverteu a situação temporariamente. Foi necessário a administração de mais um choque pela equipa de Suporte Imediato de Vida (SIV), que também foi mobilizada para o local, para estabilizar o doente e transportá-lo para o Hospital do Divino Espírito Santo (HDES), onde deu entrada, já consciente, pelas 10h16.

Para o Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA), este caso “demonstra bem a importância e aposta da formação em Suporte Básico de Vida, dos programas de desfibrilhação automática externa e de uma chamada imediata para o 112 em caso de paragem cardiorrespiratória”.

DL/SRPCBA

Categorias: Saúde

Deixe o seu comentário