Consumo de produtos alimentares continua com tendência positiva em abril

O Diretor Regional de Apoio ao Investimento e à Competitividade destacou o novo aumento do consumo de bens alimentares nos Açores, considerando ser um sinal de que existe mais rendimento disponível para as famílias.

Ricardo Medeiros falava à margem de uma visita a uma empresa ligada à importação e exportação de produtos alimentares, sendo uma das PME Líder dos Açores.

O índice de vendas do comércio a retalho – produtos alimentares registou em abril, a preços constantes, uma variação mensal homóloga positiva de 11.6%, incluindo o ‘efeito Páscoa’, e trimestral homóloga igualmente positiva de 4,30%, conforme foi divulgado pelo Serviço Regional de Estatística dos Açores (SREA).

A preços constantes, corrigidos os efeitos de calendário e sazonalidade, de acordo com a informação do SREA, verificou-se um acréscimo de 4,13% relativamente à variação média nos últimos 12 meses, “o que vem reforçar o facto de não se tratar de uma situação pontual” associada a alguma festividade, afirmou o Diretor Regional.

Relacionado com o consumo privado, as compras com cartão eletrónico atingiram no mês de abril o valor de 88,2 milhões de euros, o que representa um acréscimo homólogo de 12%.

Por outro lado, os levantamentos em caixas ATM atingiram, em abril, um montante total de 47,9 milhões de euros, mais 2,4 % do que no mesmo mês do ano anterior.

Registe-se ainda que, no mês de abril, a variação homóloga total da soma dos pagamentos em terminais TPA e dos levantamentos em ATM foi de 8.4%, “o que, mais uma vez, indica que as famílias têm mais rendimento disponível”, salientou Ricardo Medeiros.

O Diretor Regional referiu ainda que o índice de atividade económica se tem mantido nos últimos meses próximo dos 2%, considerando que “é mais um indicador positivo que permite afirmar que estamos no bom caminho”.

DL/Gacs

 

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário