Cinco ilhas mantêm situação de calamidade pública

FOTO DL

Em comunicado, o Governo dos Açores refere que “perante a evolução da situação da pandemia a nível global, e tendo em conta as ligações aéreas do exterior às ilhas de Santa Maria, São Miguel, Terceira, Pico e Faial, continua a justificar-se a prorrogação da declaração da situação de calamidade pública nestas ilhas, bem como a prorrogação da situação de alerta nas ilhas Graciosa, São Jorge, Flores e Corvo”.

A prorrogação da declaração da situação de calamidade pública em cinco ilhas dos Açores vai estender-se até à meia noite do dia 1 de outubro data definida também para a situação de alerta nas restantes ilhas.

No comunicado divulgado pelo executivo açoriano, não há qualquer referência à manutenção do encerramento das discotecas e das restrições do funcionamento de bares e estabelecimentos de bebidas que, até agora, estavam obrigados a encerrar às 22h na ilha de São Miguel.  

DL/GaCS

 

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário