Câmara de Lagoa promove ação de consciencialização ambiental

Foto: CML

No âmbito da comemoração do Dia Internacional Sem Sacos de Plástico, a Câmara Municipal de Lagoa, através do CEFAL – Centro de Educação e Formação Ambiental de Lagoa, sensibilizou, esta manhã, 3 de julho, banhistas das zonas balneares galardoadas do concelho, com a distribuição de sacos de pano, numa alternativa ao uso do plástico.

De acordo com as medidas da Direção Regional de Saúde, face à pandemia Covid-19, foi colocada uma bancada com um cartaz alusivo à atividade, com os referidos sacos de pano, com a frase “milhares de animais marinhos morrem, anualmente, por asfixia e ingestão de sacos de plástico”.

O vereador da Câmara Municipal de Lagoa, responsável pela área do ambiente, Nelson Santos, esteve presente na atividade e salientou a importância de se terem comportamentos mais amigos do ambiente nos dias de hoje como a abolição dos sacos de plástico, substituindo-os por sacos de pano, como os que foram distribuídos.

No total, foram sensibilizados, nas duas zonas balneares, na zona balnear da Caloura e no Complexo Municipal de Piscinas, cerca de 100 pessoas, entre banhistas, nadadores salvadores, funcionários do restaurante e dos funcionários autárquicos.

Assim, o objetivo de chamar a atenção para a redução do consumo excessivo de sacos de plástico a nível mundial, minimizando o seu impacto no ambiente e consciencializando a comunidade para as alternativas existentes, foi cumprido.

Esta atividade foi inserida no programa Bandeira Azul, cujo tema em 2020 é “De Volta ao Mar com Atitude de Mudar”. Este ano, num contexto diferente e singular, devido à pandemia da doença Covid-19, considera-se importante realçar o fato de não podermos ir à praia da forma tradicional, alterando e adaptando a forma como usufruímos da praia, assim como os nossos comportamentos sociais e ambientais.

DL

Categorias: Local

Deixe o seu comentário