Bolieiro valoriza exemplo da Lotaçor no uso da tecnologia

© GRA/MIGUEL MACHADO

O presidente do governo regional dos Açores, José Manuel Bolieiro, visitou a lota de Ponta Delgada, onde tomou contacto com as novidades tecnológicas da Lotaçor, nomeadamente o sistema eletrónico de venda de pescado, vincando que a empresa é um “exemplo internacional” nesta área.

“A Lotaçor é um ativo do nosso setor público empresarial regional, da economia azul e da fileira das pescas. Vim, a propósito de um desafio feito na ilha do Faial, para conhecer e valorizar a tecnologia que a Lotaçor hoje aplica, que é uma referência de excelência que nos capacita para ser um exemplo internacional”, vincou o presidente do governo.

José Manuel Bolieiro falava ladeado pelo secretário regional do Mar e Pescas, Manuel São João, e pela presidente do conselho de administração da Lotaçor, Catarina Martins.

Para o presidente do governo, é necessário promover na economia azul um “desenvolvimento sustentável”, assente “não na quantidade, mas na qualidade e na excelência” e no “aumento do valor acrescentando”, o que irá permitir um “rendimento justo” a toda a fileira, sempre com a promoção do “objetivo de preservação e conservação” da biodiversidade.

“Temos a certeza de que esse é o rumo e dele não tiraremos qualquer recuo. Antes um avanço concertado com o processo de participação com os ‘stakeholders’, diálogo e ajustadas compensações para mitigar o tempo de transição que isso implica”, considerou José Manuel Bolieiro.

Antes de falar aos jornalistas, o presidente do governo deixou palavras de “estimulo, satisfação e reconhecimento” aos trabalhadores da empresa presentes na apresentação das novidades tecnológicas, asseverando que o “conhecimento informado” dos métodos de trabalho é gerador de “confiança” no “estado da arte”. “A cada efeito há uma causa: não há comprador sem vendedor, nem vendedor sem produto. Nem consumidor sem toda esta precedência”, disse ainda.

DL

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário