BCE sobe taxas de juro na zona euro

© D.R.

O Banco Central Europeu decidiu, na reunião desta quinta-feira, aumentar os juros diretores em 50 pontos base, sendo este o primeiro aumento em mais de dez anos para tentar controlar a inflação. Acabaram-se, assim, os juros negativos.

A decisão foi tomada na reunião do conselho de governadores do Banco Central Europeu (BCE) e fica acima do que tinha antecipado na reunião de junho. Foi também aprovada uma ferramenta para prevenir a repetição de uma crise de dívida soberana na zona euro, apelidada de instrumento de proteção da transmissão.

Com este aumento, a taxa de juro aplicável às operações principais de refinanciamento fixa-se em 0,50%, a taxa aplicável à facilidade permanente de cedência de liquidez aumenta para 0,75% e a taxa aplicável à facilidade permanente de depósito evolui de -0,5% para 0%, anunciou o BCE.

O momento é histórico, pois é a primeira vez que o BCE decide subir as taxas de juro em mais de uma década, acabando com os juros negativos na zona euro. Porém, esta não vai ser uma decisão isolada. Num comunicado, o BCE escreve que, “nas próximas reuniões do conselho será apropriada uma nova normalização das taxas de juro.”

DL

Categorias: Regional

Deixe o seu comentário