Log in

Associação Agrícola reúne com câmaras municipais e alerta para necessidades dos agricultores micaelenses

© AASM

A Associação Agrícola de São Miguel iniciou um conjunto de reuniões com as câmaras municipais da maior ilha do arquipélago dos Açores, anunciou a associação representante dos agricultores micaelenses. O primeiro encontro aconteceu ontem, 30 de abril, na Povoação.

De acordo com nota de imprensa enviada pela associação, a iniciativa surge na sequência da necessidade de alertar os municípios para as questões agrícolas e os seus impactos a nível local, que “surgem em muitos casos das exigências que são impostas aos agricultores, principalmente, as decorrentes das boas práticas agrícolas e ambientais integradas na Politica Agrícola Comum”.

A Associação Agrícola, em comunicado, alerta que os agricultores são obrigados a alterar de uma forma periódica os procedimentos a adotar nas explorações agrícolas, pelo que, “se torna imprescindível adaptar a legislação e as regras em vigor nos municípios, à renovação sistemática das linhas de orientação das políticas agrícolas.”

Nestes encontros, a associação refere que serão abordados “assuntos que se revestem de grande importância na gestão das explorações agrícolas”, nomeadamente a necessidade de existirem sempre, infraestruturas agrícolas, como caminhos e abastecimento de água às explorações, em condições. Será feito, também, um apelo para “a atualização e uniformização dos pressupostos dos Planos Diretores Municipais”, bem como para a “harmonização dos códigos de conduta municipais na aplicação de estrumes e chorumes nas pastagens e nas taxas de licença das construções agrícolas e afins.”

Os leitores são a força do nosso jornal

Subscreva, participe e apoie o Diário da Lagoa. Ao valorizar o nosso trabalho está a ajudar-nos a marcar a diferença, através do jornalismo de proximidade. Assim levamos até si as notícias que contam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

CAPTCHA ImageAlterar Imagem