Técnicos Superiores de Diagnóstico e Terapêutica voltam a reunir-se com o Governo regional

Foto: GaCS

À semelhança do que aconteceu na Madeira, os Técnicos Superiores de Diagnóstico e Terapêutica da Região Autónoma dos Açores querem ver as suas carreiras descongeladas na nova tabela salarial, em vez de descongelarem na antiga tabela, bem como verem reestruturadas as carreiras em três categorias. 

Na passada segunda-feira, 27 janeiro, em reunião com a Secretária Regional da Saúde dos Açores, Teresa Machado Luciano, as estruturas sindicais representativas do setor procuraram encontrar soluções que vão de encontro a uma maior equidade entre profissionais, tendo ficado aberta a possibilidade de negociação destas matérias.

Não tendo a negociação ficado fechada, ficou agendada uma nova reunião para 28 de fevereiro, que, segundo o Sindicato dos Técnicos Superiores de Saúde (STSS) será fundamental para atingir um acordo, caso existam respostas positivas por parte da Secretaria Regional de Saúde. “O Governo dos Açores está sensível e reitera disponibilidade para o diálogo face aos interesses dos Técnicos Superiores de Diagnóstico e Terapêutica, a trabalhar na Região. Agora é preciso que essa vontade se traduza em negociação efetiva e vá de encontro às reivindicações destes profissionais” sublinha o presidente do STSS, Luís Dupont.

Para manter a equidade salarial entre profissionais, evitando a inversão de posições remuneratórias no processo de transição, em cima da mesa, está também a contagem do tempo de serviço.

DL/STSS

Categorias: Saúde