Governo dos Açores conclui este ano estudo ao setor hortícola para melhorar planeamento das produções

Overview

O Secretário Regional da Agricultura e Florestas anunciou  que será concluído este ano um estudo ao setor hortícola nos Açores, que visa ajudar os produtores a fazer um planeamento mais ajustado às necessidades do mercado.

João Ponte, falava no final de uma reunião com a Direção da Associação Terra Verde, que serviu para fazer um balanço do último ano agrícola e perspetivar os desafios para 2018, onde acrescentou que outro dos benefícios deste estudo será a redução das importações.

Par ao governante, o estudo vai ainda ser útil para se perceber o que está a ser produzido por ilha e importado ao nível hortícola, bem como para saber onde é possível crescer no futuro.

João Ponte salientou que a horticultura, a fruticultura e a floricultura têm registado um “crescimento sustentável” nos Açores, mas frisou que ainda há muita margem para crescer.

A aposta na diversificação, não só enquanto fator inibidor de importações de géneros alimentares, mas também como exportador, constitui um meio para melhorar a rentabilidade da atividade agrícola.

João Ponte considerou “muito positiva” a intenção da Associação Terra Verde de formar uma organização de produtores, salientando que permitirá à produção conseguir alcançar melhores preços e organizar-se melhor.

O Secretário Regional da Agricultura e Florestas adiantou também que estão a ser revistos os apoios aos pequenos investimentos, no âmbito do Programa de Apoio à Modernização do Setor Agrícola e Florestal – PROAMAF, que passará a incluir um conjunto de pequenos equipamentos úteis à horticultura, tal como reivindicou este subsetor da agricultura.

DL/Gacs

Categorias: Regional