Governo dos Açores reforça proximidade do Serviço de Acolhimento de Doentes Deslocados

Overview

doentes-deslocados

A Secretaria Regional da Solidariedade Social, em parceria com a Casa dos Açores do Norte, tendo em vista o reforço da proximidade do Serviço de Acolhimento de Doentes Deslocados (SADD), promoveu hoje, nas instalações deste serviço em Lisboa, uma ação de formação para os seus colaboradores. 

A iniciativa visou também dotar os profissionais deste serviço com estratégias facilitadoras para promover um melhor acompanhamento e apoio aos doentes e seus acompanhantes. 

A ação insere-se no âmbito de um protocolo de colaboração estabelecido entre o Governo Regional e a Casa dos Açores do Norte, em vigor desde janeiro, para assegurar uma resposta de apoio psicossocial aos açorianos doentes e seus acompanhantes, em situação de fragilidade, que se encontrem deslocados na cidade do Porto. 

O SADD, um serviço dependente da Direção Regional da Solidariedade Social, realiza, em média, cerca de 3.700 atendimentos por ano. 

A sua missão é acolher, informar e apoiar os açorianos e seus acompanhantes que estejam deslocados no continente por motivo de intervenções cirúrgicas, consultas ou tratamentos médicos. 

Com mais esta iniciativa, o Governo continua a responder a todos os açorianos, particularmente quando se encontram em situação de maior fragilidade, melhorando o serviço que lhes é prestado, seja do ponto de vista técnico ou humano.

DL/GaCs

Categorias: Saúde