Jovens açorianos propõem novas soluções para novos desafios na área do empreendedorismo social

Overview

Jovens açorianos propõem novas soluções para novos desafios na área do empreendedorismo social

A Diretora Regional da Juventude afirmou esta quarta-feira, dia 15 de junho, na Horta, que o Governo dos Açores tem apoiado projetos-piloto de jovens que “propõem novas soluções para novos desafios” através de programas de apoio ao empreendedorismo social jovem, como o programa ‘Jovens+’.

“Enquanto criam soluções de negócio sustentáveis, estes projetos oferecem estratégias ambiciosas para uma mudança social adequada e profunda”, frisou Pilar Damião na abertura do ‘Bootcamp’ em Empreendedorismo Social, que decorre durante três dias no Faial, em regime de internato.

Segundo  executivo regional, a iniciativa, realizada em parceria com a AJIFA – Associação de Jovens da Ilha do Faial, conta com 22 participantes e representantes de associações de juventude das ilhas do Faial, Pico, São Jorge, Terceira e São Miguel, além de um participante da ilha da Madeira.

Esta formação, realizada pelo Instituto de Empreendedorismo Social (IES), visa incentivar a criação de projetos nesta área e dotar os dirigentes associativos e os animadores de juventude de ferramentas que possam contribuir para concretização de projetos neste âmbito.

“Numa era onde os imperativos financeiros e económicos tendem a colonizar todas as esferas do mundo da vida dos cidadãos, o empreendedorismo social destaca-se por um forte ímpeto de responsabilidade social e de respeito pela dignidade humana”, frisou Pilar Damião, acrescentando que a comemoração do 1.º Dia Europeu de Economia Social, a 1 de julho, em Bruxelas, numa iniciativa do Comité Económico e Social Europeu, confirma a importância atribuída à economia social.

Nesse sentido, a realização de ações de formação, com creditação, em Empreendedorismo Social, que já ocorreram nas ilhas de São Miguel e Terceira e que agora decorre no Faial, constituem uma iniciativa que vai ao encontro das políticas de incentivo ao empreendedorismo social jovem do Governo dos Açores, que se consubstanciam através dos programas ‘Jovens+’ e ‘Inspira-te, Aprende e Age’.

Pilar Damião salientou que estes dois programas, implementados nesta legislatura, assentam em quatro grandes objetivos, nomeadamente “a inclusão social de jovens com maiores fragilidades sociais, a capacitação dos jovens de acordo com as suas reais necessidades, o emprego e a inserção sócio-profissional dos jovens e o desenvolvimento local e sustentável”.

No âmbito do programa ‘Jovens+’, que visa promover o desenvolvimento de projetos para identificar, apoiar, formar, promover e relacionar iniciativas de alto potencial de empreendedorismo social, através do envolvimento em parcerias e do trabalho em rede, foram apoiados 14 projetos, envolvendo cerca de 5.600 jovens de várias ilhas do arquipélago, num investimento global superior a 165 mil euros.

Por sua vez, integrados na iniciativa ‘Inspira-te, Aprende e Age’, foram apoiados seis projetos inovadores, cujos objetivos visam contribuir para o desenvolvimento pessoal e social dos jovens através da aquisição e do incremento de competências-chave, em contexto não formal, indispensáveis à aprendizagem ao longo da vida, bem como a sua inserção socio-profissional.

A realização desta iniciativa resultou da colaboração de entidades parceiras das ilhas Terceira, Graciosa, São Jorge e São Miguel, que foram apoiadas num montante global de 64 mil euros, tendo as atividades desenvolvidas abrangido 150 jovens.

DL/Gacs

Categorias: Regional