Passos Coelho empenhado em encontrar soluções para setor do leite

PASSOS-COELHO-RABO-PEIXE-27JUL2015-2

O presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, assegurou que vai trabalhar de forma a encontrar soluções para os problemas que enfrenta o setor do leite nos Açores.

Num almoço com militantes e simpatizantes social-democratas na sede da Associação Agrícola de São Miguel, em Rabo de Peixe, e após reunir com dirigentes associativos da lavoura, Passos Coelho respondeu às preocupações que lhe foram apresentadas relativamente à queda do preço do leite, nomeadamente após o fim do sistema de quotas leiteiras na União Europeia.

Passos Coelho salientou que, caso não sejam tomadas medidas, o rendimento dos produtores de leite da Região será “seriamente afetado”, tendo afirmado que é necessário continuar a procurar o apoio de outros países europeus para que sejam criados preços de referência abaixo dos quais a União Europeia terá de atuar.

O presidente do PSD e primeiro-ministro de Portugal referiu que é igualmente preciso o apoio de outros países da União Europeia para que o Banco Europeu de Investimento crie, por exemplo, “linhas de apoio” para períodos em que o preço do leite pago à produção seja “excecionalmente baixo”.

Passos Coelho acrescentou que se continuar a governar Portugal vai alterar a legislação que for precisa com o objetivo de criar uma associação interprofissional do setor que possa “defender melhor os seus direitos”.

Em resposta a uma reivindicação do presidente da Federação Agrícola dos Açores, Jorge Rita, que esteve presente no almoço, o líder do PSD deixou também a garantia de vai analisar a questão das contribuições para a segurança social pedidas aos jovens agricultores.

Passos Coelho mostrou “abertura” para que o assunto seja analisado “rapidamente” por um futuro governo liderado pelo PSD, de maneira a “afinar um bocadinho melhor” esta questão.

Neste almoço, que contou com a presença de cerca de um milhar de pessoas, discursou também o presidente do PSD/Açores, Duarte Freitas, que garantiu que os deputados social-democratas açorianos na Assembleia da República na próxima legislatura vão fazer um trabalho de “grande proximidade” com as populações das nove ilhas do arquipélago.

Duarte Freitas garantiu igualmente que os deputados do PSD/Açores que forem eleitos pela Região vão apoiar um futuro governo de Passos Coelho, mas que estarão igualmente “100 por cento próximos dos açorianos”.

O presidente do PSD/Açores salientou ainda que é graças a Passos Coelho que os Açores vivem nos dias de hoje um “outro tempo”, dando como exemplo de decisões do primeiro-ministro favoráveis á Região a entrada das companhias aéreas “low-cost” e a baixa dos impostos no arquipélago.

Já a cabeça-de-lista do PSD/Açores às próximas eleições legislativas, Berta Cabral, destacou que foi o atual governo da República que “salvou Portugal da beira do abismo” a que o PS o conduziu e que os socialistas voltarão a levar o país “pelo mesmo caminho” se ganharem as eleições.

DL/PSD

Categorias: Política